top of page

Ações que ajudaram a colocar Tangará da Serra no foco dos investimentos, geração de empregos e renda


Uma pesquisa contratada pela Revista Exame, uma das mais conceituadas do país, quando o assunto é negócios, apontou que o município de Tangará da Serra-MT é a primeira cidade do Estado de Mato Grosso e a terceira a nível nacional para fazer negócios no setor agropecuário. O município também tem boa colocação nos segmentos de serviços e comércio. Participaram da pesquisa (publicada na nona edição) 326 municípios brasileiros que possuem uma população acima de 100 mil habitantes do Brasil.


Em 2022 o município viveu vários momentos notáveis em sua economia. Tangará da serra, polo da região Sudeste de Mato Grosso, localizada a apenas 214 km da capital Cuiabá e com uma área territorial de 11.391,314 Km² comemorou o nascimento de 2.097 novas empresas somente neste ano. Já empregos com carteira assinada passamos dos 28 mil de acordo com o último levantamento do CAGED que atualiza os dados mensalmente. Somos a sétima cidade que mais emprega no Estado de Mato Grosso.


Em atendimentos realizados pelo CAE – agora Sala do Empreendedor –, ambiente com atendimento presencial e digital que facilita os processos dos empreendedores do município, realiza inúmeros serviços, com apoio especial aos Microempreendedores Individuais (MEI), totalizando 3250 atendimentos em 2022, sendo formalizações, alterações, emissão de guias, declarações, acesso ao crédito dentre outros. Somente em ano, o município conseguiu junto a Desenvolve-MT mais de um milhão de reais em créditos, sendo que 450 mil reais já foram liberados e 600 mil estão em fase final para liberação aos empresários.


Com o objetivo de apoiar e incentivar as empresas locais para participarem das licitações do município, a Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços em parceria com a Secretaria de Administração, realizou quatro oficinas de capacitação e oportunizou momentos para dirimir dúvidas. Em 2022, foram realizados três encontros denominados “Dialogo Empresarial”, onde o Prefeito Municipal, Vander Masson se reuniu com empresários locais para tratar dos assuntos e demandas do setor empresarial.


Visando um plano estratégico para atrair novos investimentos e ampliar empreendimentos já existentes no município foi criado o Programa de Desenvolvimento Econômico PRODEC, cujo objetivo principal é promover o desenvolvimento econômico e social sustentável através da implantação e ampliação de atividades industriais, comerciais atacadistas e distribuidores, tecnológicas e de prestação de serviços. De Janeiro de 2021 a Junho de 2022, dez empresas foram beneficiadas com a Lei de Incentivos, gerando mais emprego e investimentos para Tangará da Serra.


Quando o assunto é emprego ressaltamos que o SINE de Tangará da Serra realizou no ano de 2022 mais de 14.500 atendimentos, sendo 1.600 atendimentos com apoio na emissão de carteiras de trabalhos digital, 1.754 vagas de empregos captadas, 2.600 encaminhamentos ao mercado de trabalho dentre outros serviços.


Além desses destaques importantes para esse novo momento que Tangará da Serra está vivendo, registramos aqui alguns eventos que marcaram o ano de 2022, como a feira Empreende Tangará, um evento que envolveu Ciência, Tecnologia e Empreendedorismo, reunindo empresários dos setores da indústria, agroindústria e prestação de serviços.


Destaque também para a feira voltada ao empreendedorismo feminino e o 2º Encontro de Mulheres de Negócios realizado pelo Gabinete de Políticas Públicas para Mulheres – GPPM, Secretaria de Indústria e Comércio e Sala do Empreendedor, alusivo ao dia Mundial do Empreendedorismo Feminino, que reuniu centenas de mulheres que já são empreendedoras e também as que sonham em ter o próprio negócio. Uma pesquisa do Sebrae/MT indica que as mulheres empreendem, principalmente por: necessidade (20%), pela busca de liberdade ou autonomia (19%), para trabalhar com o que gostam (19%), realizar o sonho do próprio negócio (17%) e novas oportunidades (15%).


Qualifica Tangará: programa vai preparar e direcionar a mão de obra


Qualificação profissional: um plano de preparação de mão de obra vai oferecer 960 vagas nos próximos dois anos em um conjunto de ações das Secretarias de Indústria, Comércio e Serviços, Assistência Social e Senai para que os jovens que estão no Ensino Médio e as pessoas em geral que estão em busca de oportunidades, recebam preparo e qualificação conforme as vagas de emprego disponíveis e as novas que surgirão no setor técnico, que só serão preenchidas com a habilitação.


Salientamos que eventos mensais como o CAE-itinerante, Oficina da Licitação e o Dialogo Empreendedor – oportunizam a participação de todos os atores do desenvolvimento de Tangará da Serra que querem e fazem parte desses processos de desenvolvimento do Município.


“Os números são bons e os desafios que se apresentam são muitos e estes continuam a nos motivar para realizarmos um trabalho com humildade, foco, determinação nas ações que produzam resultados dignos de uma cidade que está em constante evolução”, destaca o titular da pasta Sílvio José Sommavilla.

Hozzászólások


bottom of page