top of page

Condenado por duplo homicídio em Guarantã foge do Ferrugem


O detento Marcos José Madruga da Silva Santos, 39, fugiu do presídio Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira, o “Ferrugem”, na manhã dessa segunda-feira (22). Ele realizava trabalhos extramuros no município de Sinop (500 km ao norte de Cuiabá), quando escapou. O preso cumpriu 6 anos e dois meses de sua pena.

O homem foi condenado por duplo homicídio praticado no ano de 2018, no município de Guarantã do Norte. 


Durante os serviços prestados em trabalho extramuros do Projeto Cidade Limpa, da Prefeitura de Sinop, o reeducando rompeu a tornozeleira eletrônica que utilizava para monitoramento e fugiu do local. 

Segundo informações da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SESP-MT), a Polícia Penal realiza buscas e as policiais Civil e Militar foram devidamente informadas da fuga para os procedimentos de investigação e buscas.


O crime


Marcos José Madruga da Silva Santos foi acusado juntamente do comparsa Jairo dos Santos Oliveira, 43, por duplo assassinato, que ocorreu na manhã do dia 21 de abril de 2018, na zona rural de Guarantã do Norte. Os assassinos trafegavam em uma moto quando saíram ao encontro das vítimas.


Os criminosos montaram uma emboscada contra Jesulino Ribeiro de Almeida, 60, em uma curva da estrada que dá acesso à comunidade São Sebastião, e na ocasião atiraram contra o alvo e também o passageiro, Pedro Roque Gomes, 61, que estavam em outra moto.

Assim que se deparam com as vítimas, os suspeitos dispararam diversas vezes contra Jesulino, mas os disparos tiros também Pedro que estava na garupa.


Os corpos foram arrastados há cerca de 10 metros do local e deixados cobertos com folhagens. Já a moto das vítimas foi abandonada há cerca de 600 metros de onde ocorreu o fato.

Durante a prisão da dupla, identificada pelas características da moto, foi encontrado um revólver calibre .44 magnum que jogaram em um matagal às margens da rodovia. 

 Fonte: Gazeta Digital

Comments


bottom of page