top of page

Adolescentes de 12 e 14 anos são apreendidos e adulto de 19 preso após arrombarem lojas em Tangará

A Polícia Judiciária Civil prendeu nesta quinta-feira (20) um rapaz de 19 anos e apreendeu dois menores, de 12 e 14 anos, suspeitos de arrombarem e cometerem furtos de celulares, notebook e joias em lojas da região central de Tangará da Serra. Câmera de segurança de uma das empresas arromabadas mostra a ação do trio.


Os furtos ocorreram na noite e madrugada de terça para quarta-feira desta semana em lojas da avenida Brasil e avenida Tancredo Neves.


A Polícia Civil iniciou investigação na manhã de quarta (19) assim que tomou conhecimento dos casos. As apreensões e prisão ocorreram em flagrante no momento em que adulto e menores faziam a divisão dos bens furtados. A menina, de 12 anos, ficaria com celular e notebook, enquanto os demais dividiriam outros objetos como celulares e joias.


O delegado Adil Pinheiro contou que as crianças foram ouvidas e liberadas, sendo entregues aos pais, e o adulto foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP). Ele responderá pelos crimes de roubo/furto e por corrupção de menores.


"O rapaz de 19 anos arrombou as fechaduras com facilidade, usando uma chave de fenda, em poucos segundos ele abria, chamando a atenção a sua habilidade", destacou o delegado.


No total, três lojas foram arrombadas na noite, sendo que em uma delas o alarme soou e os elementos fugiram.


A suspeita é de que os objetos seriam vendidos e o valor arrecadado serviria para compra de drogas. Nenhum deles possuía ficha criminal.


O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil.

Comentários


bottom of page