top of page

Crime planejado: PJC apreende 6° suspeito e faca usada para degolar vítima


A Polícia Judiciária Civil (PJC) de Tangará da Serra concluiu nesta manhã de segunda-feira, 14, a investigação e prisão de todos os suspeitos de envolvimento no assassinado de um homem encontrado praticamente degolado na última sexta-feira na Estrada da Pedreira.

De acordo com o delegado Adil Pinheiro, o menor de idade detido hoje é o último envolvido no crime que faltava para ser capturado. “Esse é o sexto indivíduo autuado. Ao todo foram três menores de idade e três maiores de idade envolvidos no crime”, confirmou o delegado.

Esse menor que foi capturado hoje pela equipe do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) já havia sido identificado na sexta-feira, porém não foi possível capturá-lo neste di. “Já havia saído para ele o mandado de internação e hoje conseguimos capturá-lo também na Vila Esmeralda, como ocorreu com os demais”, completou o delegado.


Delegado afirma que homicídio foi planejado.


Segundo Adil Pinheiro, as investigações evoluíram no final de semana e ele afirmou que o homicídio foi sim planejado e não foi uma ação de ocasião.

“Os menores tentaram dizer que a vítima teria mexido com algumas mulheres e por isso eles se revoltaram e cometeram o crime, mas isso é uma mentira. Eles armaram uma emboscada para ele, atraíram até o local, tentaram matar ele na praça, inclusive uma das facas acabou quebrando. Eles bateram nele no local e resolveram então colocar ele em seu próprio carro, o levaram até a Estrada da Pedreira e lá o mataram esfaqueado”, pontuou o delegado.

Ainda conforme o delegado, os menores envolvidos alegam que a vítima teria envolvimento amoroso com uma namorada de algum deles e que o crime estaria relacionado a esse tipo de motivação, porém, a polícia segue colhendo elementos para comprovar exatamente quem teria planejado esse homicídio.

“Mas posso afirmar que não foi uma situação de ocasião ou que os menores tentaram defender alguma mulher de estupro ou algo parecido. Esses menores e os maiores planejaram essa ação, inclusive essas moças atraíram ele para que os envolvidos o capturassem”, revelou Adil.

Durante o investigação a polícia apurou que os indivíduos tinham uma casa na Vila Esmeralda, uma espécie de alojamento onde eles ficavam.

“Ao todo são seis indivíduos que participaram do crime, o menor detido hoje inclusive confirma que ajudou a bater na vítima, foi até o local na estrada onde a vítima foi esfaqueada, mas ele afirma que não efetuou nenhuma facada, porém isso é irrelevante, pois a participação dele está confirmada”, enfatizou o delegado.

Uma das facas foi apreendida pela polícia, porém uma outra faca foi jogada no lixo e não foi localizada. A faca encontrada hoje tem vestígios de sangue. “Vamos enviar para a perícia e fazer a comparação do sangue da vítima com o sangue encontrado na faca. Nem todos eles confessam o crime, porém não temos dúvidas da autoria do crime por esses seis indivíduos”, concluiu Adil Pinheiro.


Autor: Bem Notícias

Commentaires


bottom of page