top of page

Morre Agente de Saúde esfaqueada por homem dentro de posto de saúde em Maro Grosso


Regy Rouse Lopes de Oliveira (de vermelho) morreu no hospital

Atualização às 18:00 horas: De acordo com o site Clique F5, a agente de saúde não resistiu e foi a óbito no final da tarde desta quinta.

Um homem esfaqueou, nesta quinta-feira (25), uma médica e uma agente se saúde que trabalhavam na Estratégia Saúde da Família (ESF) do Bairro São José, em Primavera do Leste, a 240 km de Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, o suspeito relatou que teve um "atendimento ruim" anteriormente por uma pessoa naquela unidade de saúde. A médica, Jaqueline Matos da Croce, de 31 anos, está grávida de cinco meses e foi atingida no abdômen. O estado de saúde dela é considerado grave, segundo a polícia. Conforme o boletim de ocorrência, o suspeito estava com a faca escondida na região da cintura e esperou a consulta de outra paciente para entrar no consultório, onde esfaqueou a médica. Uma testemunha interviu pegando uma mesa de madeira e indo em direção ao suspeito, que parou com as agressões. De acordo com o registro policial, o homem conseguiu sair do consultório e esfaqueou a agente de saúde Regy Rouse Lopes de Oliveira, de 50 anos, na região do tórax. O suspeito foi conduzido para delegacia da Polícia Civil. A Prefeitura de Primavera do Leste (MT) informou, por meio de nota, que o suspeito, de 34 anos, teve um surto psicótico e presta auxílio às vítimas. "A Secretaria Municipal de Saúde lamenta e repudia a agressão sofrida pelas profissionais, que estão recebendo toda assistência necessária. A prefeitura já estuda ações efetivas para dar mais segurança a estes profissionais", diz trecho da nota. Ainda conforme a prefeitura, a médica precisa de doação de sangue O negativo. Atualização: De acordo com o site Clique F5, a agente de saúde não resistiu e foi a óbito no final da tarde desta quinta.


Com informações do G1 MT e Clique F5

Comments


bottom of page