top of page

Polícia investiga homem depois que a companheira dele morreu em Tangará da Serra

Atualizado: 18 de ago. de 2022




Uma investigação da Delegacia de Polícia Civil de Tangará da Serra busca desvendar a morte suspeita de uma jovem de 21 anos ocorrida na madrugada de terça-feira (16) no Jardim Tangará II. O companheiro dela, identificado como Gustavo Amorim Silva, 27 anos, foi preso e é o principal suspeito de ter tirado a vida da companheira, possivelmente em frente à filha dela.

O Plantão TGA apurou que o Samu foi acionado para socorrer a jovem Cristiane Conceição da Silva, após o companheiro dela ter acionado o socorro informando que ela teria supostamente desmaiado em casa. Ela foi levada para a UPA, mas nossa reportagem apurou que ela deu entrada na unidade de saúde já sem vida.

Uma investigação foi imediatamente iniciada e o companheiro dela foi detido. O Plantão TGA apurou que ele contou que havia discutido com a jovem, por motivo não especificado, a qual teria tentado lhe dar um tapa no rosto e, ao se defender da agressão, ele teria se defendido e ela teria caído e desmaiado.

Uma perícia foi feita no corpo de Cristiane e no final da tarde desta quarta-feira saiu o laudo apontando que ela foi asfixiada.

O companheiro dela segue preso e o caso é tratado como suspeita de feminicídio. A investigação continua.


Assista ao vídeo de sua prisão:


Comentarios


bottom of page