top of page

Suspeito de Estrupo de Vulnerável e preso pela Polícia Civil de Tangará


Polícia Judiciária Civil por meio da Delegacia Regional de Tangará da Serra juntamente com Núcleo de Inteligência/TGA, diligenciou na Capital do Estado e deu cumprimento ao mandado de prisão expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Tangará da Serra em desfavor de L. F. L.. Art 217A-Estupro de Vulnerável.

O suspeito é acusado de ter abusado de uma criança de 03 anos de idade.


As investigações apontam que o suspeito, era conhecido da família da vítima, aproveitou-se de momentos em que estava sozinho com a criança para cometer os abusos.


A prisão do suspeito representa um importante avanço na investigação desse caso de extrema gravidade.


A Polícia Judiciária Civil está empenhada em garantir que a justiça seja feita e que o responsável por esse crime seja devidamente punido.


A população de Tangará da Serra pode ficar tranquila sabendo que as autoridades estão atuando de forma incisiva para combater crimes como esse e proteger os mais vulneráveis.


É fundamental que casos como esse sejam denunciados para que os culpados sejam responsabilizados e as vítimas recebam o devido apoio e assistência.


A Polícia Judiciária Civil deixa claro que não tolerará qualquer forma de violência ou abuso contra crianças e vai continuar trabalhando para garantir a segurança e a proteção dos cidadãos.


A colaboração da comunidade é fundamental nesse processo, denunciando situações de violência e contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa e segura para todos.

Comments


bottom of page